Que Horas Vai Ser A Posse Do Lula

O roteiro divulgado pelo Senado Federal aponta que a posse de Lula terá início às 13h30. Para 2023, o Senado preparou duas mudanças: as esposas de Lula e do vice-presidente, Geraldo Alckmin (PSB), Rosângela Silva, a Janja, e Lu Alckmin, subirão a rampa na frente dos maridos.

Horário da posse de Lula: quando será?

A cerimônia de posse é dividida em duas partes distintas. A primeira etapa ocorre no Congresso Nacional, onde os chefes de estado e governo chegam a partir das 13h45 para assinarem o termo de posse. Antes disso, tanto Lula quanto o vice-presidente eleito Geraldo Alckmin fazem uma parada na Catedral Metropolitana de Brasília antes de seguirem para o Congresso. A segunda parte da cerimônia acontece no Palácio do Planalto.

A cerimônia oficial de posse do presidente tem início às 15 horas. Durante o evento, ocorre a leitura e assinatura do termo de posse pelo presidente e vice-presidente. Em seguida, Lula faz um discurso, seguido pelo presidente do Congresso, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). Às 16h20, Lula segue para o Palácio do Planalto como novo presidente do Brasil.

Horário da cerimônia de posse do Lula

O cronograma da cerimônia de posse presidencial é o seguinte:

– Entre 13h45 e 14h30, os chefes de estado e de governo chegam ao Anexo 1 do Senado Federal.

– Entre 13h30 e 14h30, as autoridades e convidados chegam ao Salão Branco.

You might be interested:  O Significado Por Trás da Tatuagem de Carpa

– Às 14h20, o presidente e vice-presidente eleitos da República chegam à Catedral Metropolitana de Brasília.

– Às 14h30, inicia-se o cortejo da Catedral Metropolitana em direção ao Congresso Nacional.

– Às 14h40, o presidente e vice-presidente eleitos são recebidos pelos presidentes do Congresso Nacional e da Câmara dos Deputados no Congresso Nacional.

– Às 15 horas, tem início a Sessão Solene de Posse Presidencial: abertura da sessão solene; execução do hino nacional; compromisso constitucional; leitura e assinatura do termo de posse do presidente e vice-presidente eleitos; pronunciamento do presidente da República; pronunciamento do presidente do Congresso Nacional; encerramento da sessão solene.

– Às 15h50, o presidente e vice-presidente deslocam-se para a Sala de Audiências da Presidência do Senado.

– Às 16 horas, saem da Sala de Audiências em direção à área externa do Palácio.

– Às 16h05 começa a cerimônia externa das honras militares.

Data da posse de Lula ainda não foi definida

Luiz Inácio Lula da Silva assumiu a presidência do Brasil em uma solene cerimônia conduzida por Rodrigo Pacheco, presidente do Congresso Nacional. Durante o evento, foram realizados os seguintes atos e discursos:

– Juramento de posse: Lula fez um juramento solene perante a Constituição brasileira, comprometendo-se a cumprir fielmente suas obrigações como presidente.

– Discurso de posse: Em seu discurso inaugural, Lula expressou sua gratidão pelo apoio recebido e delineou as principais diretrizes de seu governo.

– Transmissão da faixa presidencial: O ex-presidente Jair Bolsonaro entregou simbolicamente a faixa presidencial para Lula, marcando oficialmente a transferência do poder executivo.

– Hino nacional: A cerimônia foi embalada pelo hino nacional brasileiro, tocado pela banda militar.

A posse de Luiz Inácio Lula da Silva marcou o início de seu segundo mandato como presidente da República Federativa do Brasil.

You might be interested:  Os Impactos da Reforma Tributária: O Que Realmente Muda?

Onde assistir à transmissão online da posse de Lula

EXAME vai transmitir em tempo real, no site, a posse de Lula desde as primeiras horas da manhã do domingo, 1º de janeiro, com análises e um time de jornalistas que vão estar em Brasília acompanhando, de perto, detalhes exclusivos. Nas redes sociais ( Facebook , Instagram , TikTok , Twitter e YouTube ), conteúdos multimídia complementam a cobertura.

A transmissão da cerimônia estará disponível nos canais TV Brasil, TV Câmara e TV Senado. Além disso, as principais emissoras de televisão aberta do país também irão transmitir ao vivo todo o evento.

Início da posse do presidente

A partir de 2027, as cerimônias de posse do presidente da República e dos governadores acontecerão em datas diferentes das que estamos acostumados. Atualmente, tanto o presidente quanto os governadores assumem seus cargos no dia 1º de janeiro. No entanto, a partir de 2027, o presidente eleito passará a tomar posse no dia 5 de janeiro e os governadores serão empossados um dia depois, ou seja, no dia 6.

Essa mudança na data da posse tem como objetivo evitar conflitos com as festividades do Ano Novo e permitir que todos possam aproveitar esse período sem preocupações políticas. Além disso, essa alteração também visa facilitar a organização das cerimônias e garantir uma transição mais tranquila entre os mandatos.

Portanto, é importante estar ciente dessa mudança para não se confundir com as datas das próximas posses presidenciais e dos governadores. A partir de 2027, fique atento para que você saiba corretamente quando será realizada a posse do próximo presidente da República (no dia 5) e dos governadores (no dia seguinte).

Diferença entre posse e diplomação: entenda as distinções

De maneira simplificada, podemos comparar a diferença entre as duas cerimônias com o encerramento de um curso universitário. A colação de grau seria equivalente à diplomação, enquanto a festa de formatura se assemelharia ao dia da posse. No caso da posse presidencial, há uma etapa estabelecida pela Constituição que é a assinatura do termo no Congresso Nacional.

You might be interested:  Os Benefícios do Chá de Ora-Pro-Nóbis: Descubra as Propriedades dessa Poderosa Infusão

No dia 12 de dezembro, o TSE realizou a diplomação de Lula e Alckmin, confirmando assim o resultado das urnas e encerrando oficialmente as eleições de 2022.

Data da posse do novo presidente?

A posse do presidente Jair Bolsonaro acontecerá no dia 1º de janeiro de 2019, e será marcada por diversas cerimônias que ocorrerão ao longo do mesmo dia. Essas cerimônias têm como objetivo oficializar a transição de poder entre o presidente anterior e o novo líder eleito pelo povo brasileiro. Durante esses eventos, serão realizados discursos, juramentos e outros rituais simbólicos que marcam o início do mandato presidencial.