Febre É A Partir De Quantos Graus

De modo geral, os infectologistas estabelecem os seguintes limites para caracterizar a febre em adultos e crianças acima de 1 ano: Normal: entre 36,0º C e 37,0 º C. Estado febril: entre 37,3º C e 37,8º C. Febre : acima 37,8º C.

Qual é a temperatura considerada febre?

A temperatura corporal varia de acordo com a idade, sendo ainda mais elevada em bebês que estão sendo amamentados. Para esses pequenos, considera-se febre quando os valores ultrapassam os 38°C até o terceiro mês de vida. Por outro lado, os idosos tendem a apresentar temperaturas mais baixas e mesmo quando estão com infecções podem manter uma temperatura normal ou desenvolver hipotermia.

Normalmente, os limites considerados normais para a temperatura corporal podem variar de 36°C a 37,7°C. Alguns estudos médicos mencionam que o valor de corte é de 37,5ºC. No entanto, entre os profissionais da área médica prevalece o consenso de que a febre é caracterizada por uma temperatura igual ou superior a 37,8°C.

O profissional da saúde utiliza o sintoma febre como um indicador para avaliar a gravidade de uma infecção. Existem diferentes categorias de quadros febris: leve, moderado e grave. O quadro leve é caracterizado por temperaturas até 38,5°C, enquanto o moderado varia entre 38,5°C e 39,4°C. Já o quadro grave é identificado quando a temperatura ultrapassa os 39,5°C.

Locais para medir a febre: onde é possível?

As axilas, testa, tímpano, reto e boca são áreas do corpo onde é possível medir a temperatura corporal.

A temperatura corporal pode variar dependendo da área em que é medida. No Brasil, a medição axilar é tradicionalmente utilizada e considerada confiável pelos médicos.

Qual o termômetro mais adequado para medir a temperatura corporal?

Existem diferentes tipos de dispositivos para medir a temperatura, sendo os mais comuns aqueles que funcionam por contato (digital) e à distância (infravermelho). Esses dispositivos são rápidos e podem fornecer uma leitura precisa da temperatura em menos de um minuto.

Segundo o Dr. Erick Barreto Pordeus, médico clínico geral e professor da UFPE, o aplicativo de contato digital é uma opção prática para uso pessoal. Ele é acessível a pessoas de todas as faixas etárias – crianças, jovens, adultos e idosos – e oferece resultados precisos na medição.

Estou com 37,6 graus de temperatura corporal e febre?

Quando a temperatura do nosso corpo está acima de 37,5ºC, isso indica que algo não está bem e que pode haver uma inflamação em nosso organismo. A febre é uma resposta do corpo para nos alertar de que algo precisa ser tratado com mais cuidado. É como se fosse um alarme interno dizendo que precisamos prestar atenção e procurar ajuda médica.

Por outro lado, também devemos ficar atentos quando nossa temperatura corporal fica abaixo de 35,5ºC. Isso pode indicar algum problema ou desequilíbrio no funcionamento do nosso organismo. Nesses casos, também é importante buscar orientação médica para entender o motivo dessa baixa temperatura e tomar as medidas necessárias.

You might be interested:  Os Benefícios do Cloreto de Magnésio: Descubra Para Que Serve

Portanto, tanto a febre acima de 37,5ºC quanto a temperatura inferior a 35,5ºC são sinais importantes que merecem nossa atenção. Essas variações na temperatura corporal podem indicar problemas de saúde e devem ser avaliadas por profissionais especializados para garantir um diagnóstico correto e o tratamento adequado.

Investir em termômetro remoto: uma boa opção?

Com um preço mais elevado, o termômetro infravermelho tem recebido reconhecimento da comunidade médica devido à sua precisão. Além disso, é uma ótima opção para uso diário, pois oferece conforto ao usuário: basta apontá-lo para a testa, pressionar o botão e aguardar pelo sinal sonoro. Durante a pandemia, esse tipo de termômetro se tornou ideal por facilitar a medição da temperatura em ambientes amplos.

Se você possui um termômetro de vidro com mercúrio, é importante saber que esse tipo de termômetro não está mais disponível para venda devido ao risco de quebra e liberação do mercúrio, uma substância química tóxica. Para evitar acidentes, o descarte adequado desse termômetro deve ser feito em embalagens plásticas e depositado nos locais apropriados para descarte de pilhas, baterias e lâmpadas fluorescentes.

Qual é a temperatura considerada febril?

A presença de febre é indicada quando a temperatura corporal ultrapassa 37,8°C (medida no ânus) ou mais de 38°C (medida na axila). Nesses casos, é importante que os pais entrem em contato com o pediatra para receber orientações adequadas.

Além da febre, existem outros sinais e sintomas que podem indicar a necessidade de procurar um médico. Esses sinais incluem:

– Dificuldade respiratória;

– Vômitos persistentes;

– Diarreia intensa;

– Dor abdominal severa;

– Convulsões ou tremores incontroláveis;

– Manchas vermelhas pelo corpo;

– Irritabilidade extrema ou sonolência excessiva.

Se algum desses sintomas estiver presente juntamente com a febre, recomenda-se buscar atendimento médico imediato. É sempre melhor ser cauteloso quando se trata da saúde dos nossos filhos.

Como medir corretamente a temperatura corporal?

Para realizar uma medição precisa, siga os seguintes passos: comece secando bem a axila. Em seguida, posicione o termômetro na parte mais estreita da axila. Mantenha o braço pressionado até que ouça o sinal sonoro indicando o fim da medição. Caso esteja medindo em uma criança, tente mantê-la quieta durante todo o processo.

Uma sugestão dos especialistas é realizar uma nova medição logo após remover o termômetro nos dias de calor.

O que significa estar com febre?

Quando o corpo está em estado febril, isso indica que a temperatura corporal está um pouco acima do normal por mais de 24 horas consecutivas. Durante esse período, é comum sentir sintomas como calafrios, sudorese e mal-estar geral.

Alguns possíveis motivos para o estado febril são:

1. Infecções virais ou bacterianas;

2. Inflamações no organismo;

3. Reações alérgicas graves;

4. Exposição a altas temperaturas ambientais;

5. Efeitos colaterais de medicamentos.

É importante ressaltar que a febre não é uma doença em si, mas sim um sinal de que algo não vai bem no nosso organismo. Portanto, ao apresentar um quadro febril persistente ou acompanhado de outros sintomas preocupantes, é fundamental buscar orientação médica para identificar e tratar adequadamente a causa subjacente da febre.

You might be interested:  Benefícios do Banho de Canela: Descubra para que serve

A partir de qual temperatura a febre se torna preocupante?

Segundo o pediatra Ivan Savioli Ferraz, é comum que as crianças apresentem febres de 39°C, que se repetem a cada 6 horas. Essas febres podem ser acompanhadas de outros sintomas, como sonolência excessiva e falta de melhora mesmo após o uso de antitérmicos. É importante procurar orientação médica caso a febre dure mais do que dois ou três dias sem outros sinais visíveis.

Durante a consulta, o médico irá escutar sua queixa, verificar seu histórico de saúde e realizar um exame físico. Se não conseguir determinar a causa do problema, ele poderá pedir exames adicionais. Para aliviar os sintomas desconfortáveis, ele poderá recomendar o uso de um medicamento antitérmico.

Aqui estão algumas opções de termômetros para uso doméstico que você pode considerar:

O termômetro digital infravermelho da Medical System BR é uma ferramenta essencial para medição de temperatura. Com tecnologia avançada, ele permite a leitura precisa e rápida da temperatura corporal sem contato físico, o que o torna ideal para uso em ambientes clínicos e hospitalares. Sua utilização é simples e prática, bastando apontar o dispositivo na direção desejada e pressionar um botão para obter a leitura instantânea. Além disso, o termômetro possui recursos adicionais como memória de armazenamento das últimas medições e alarme sonoro para indicar febre alta. Com sua precisão e praticidade, o termômetro digital infravermelho se destaca como uma opção confiável no monitoramento da saúde.

De acordo com estudos realizados por Murahovschi em 2003 e Teran et al. em 2012, a precisão clínica dos termômetros de pele infravermelhos sem contato é alta na prática pediátrica. Além disso, uma revisão sistemática e meta-análise conduzida por Pecoraro et al. em 2021 mostrou que os termômetros digitais, infravermelhos e de mercúrio são igualmente precisos na medição da temperatura corporal. Essas descobertas sugerem que esses tipos de termômetros podem ser confiáveis para uso médico.

Qual é a temperatura considerada febre? É considerado estado febril quando a temperatura atinge 37ºC?

Temperatura corporal normal

Nos últimos 20 anos, os pesquisadores descobriram que a temperatura média do corpo humano é na verdade um pouco mais baixa do que se pensava anteriormente. Em vez dos tradicionais 37ºC, estudos mostraram que a temperatura normal varia entre 35ºC e 37ºC. Isso significa que uma pessoa pode ter uma febre mesmo com temperaturas abaixo de 37ºC.

É importante lembrar que cada pessoa tem sua própria faixa normal de temperatura e pode variar ao longo do dia. Portanto, além da leitura da termometria, outros sintomas devem ser levados em consideração para determinar se há presença de febre e necessidade de tratamento adequado.

Como diminuir a temperatura de 37 graus?

Para aliviar a febre, é recomendado tomar banho com água morna e manter-se hidratado. Beber bastante água e líquidos em geral ajuda a repor os fluidos perdidos pelo corpo durante o processo de transpiração causado pela febre. Além disso, existem outras medidas que podem ser tomadas para auxiliar no tratamento da febre:

You might be interested:  Elegibilidade para receber o Auxílio Brasil

1. Descansar: É importante dar ao corpo tempo suficiente para se recuperar, descansando adequadamente.

2. Vestir roupas leves: Opte por roupas confortáveis e leves, que facilitem a dissipação do calor corporal.

3. Utilizar compressas frias: Aplicar compressas frias na testa ou nas áreas onde há maior concentração de calor pode ajudar a reduzir a temperatura corporal.

4. Evitar ambientes quentes: Procure ficar em locais frescos e arejados para evitar o aumento da temperatura corporal.

5. Tomar medicamentos antipiréticos: Em casos mais graves ou quando indicado pelo médico, é possível utilizar medicamentos específicos para reduzir a febre.

6. Monitorar os sintomas: Fique atento aos sinais do seu corpo e procure assistência médica caso haja piora dos sintomas ou persistência da febre por um longo período de tempo.

8. Evitar esforços físicos intensos: Durante um episódio de febre, é recomendável evitar atividades físicas extenuantes que possam sobrecarregar o corpo.

9. Controlar a temperatura do ambiente: Mantenha o local onde você está em uma temperatura agradável, nem muito quente nem muito frio.

10. Consultar um médico: Caso os sintomas persistam ou se intensifiquem, é fundamental buscar orientação médica para um diagnóstico preciso e tratamento adequado.

Lembre-se de que essas são apenas medidas gerais e cada caso pode exigir abordagens específicas. É sempre importante consultar um profissional de saúde para obter orientações personalizadas sobre como lidar com a febre.

Diferença entre febre e febril

A diferença entre estado febril e febre está na temperatura associada a cada um desses quadros. O estado febril ocorre quando a temperatura do corpo fica acima do normal, geralmente entre 37,3ºC e 37,8ºC. Isso pode ser considerado como uma forma de febre baixa. Já a febre como sintoma é apontada quando a temperatura corporal atinge ou ultrapassa os 37,9ºC.

É importante lembrar que cada pessoa tem sua própria variação de temperatura normal, por isso é essencial conhecer o seu padrão individual para identificar se há presença de estado febril ou início da febre como sintoma. Medir regularmente a temperatura corporal ajuda no monitoramento da saúde e na identificação precoce de possíveis problemas médicos.

Identificando a febre

Quando a temperatura está entre 37,5ºC e 37,8ºC, estamos com uma febrícula, também chamada de estado febril. Acima dos 37,8ºC não tem jeito: é febre mesmo. Mas para identificar este estado, nada de colocar a mão na testa. É preciso usar um termômetro.

1. Febrícula ou estado febril: temperatura entre 37,5ºC e 37,8ºC.

2. Febre baixa: temperatura entre 38°C e 38,4°C.

3. Febre moderada: temperatura entre 38,5°C e 39°C.

4. Febre alta: temperatura entre 39°C e 40°C.

5. Hipertermia leve: temperatura acima de 40°C até aproximadamente os primeiros sinais clínicos graves (41-42 ° C).

6. Hipertermia grave ou crítica: quando a temperatura ultrapassa os limites fisiológicos normais do corpo humano (acima de aproximadamente >42 ° C).

Lembre-se sempre de consultar um profissional médico para obter orientações adequadas sobre como lidar com a febre em cada caso específico!

By Katy