Peeling De Diamante Benefícios - Hospital da Mulher e Maternidade Santa Fé

Como fica a pele logo após o peeling de diamante?

Peeling de diamante: tratamento estético ameniza rugas, manchas e estrias

  • Peeling de diamante: tratamento estético ameniza rugas, manchas e estrias
  • Método estimula a formação de colágeno e promove esfoliação da pele

Escrito por Redatora Manuela Pagan é jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero (2014) e em fisioterapia pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2008). i Strelciuc Dumitru/Getty Images O peeling de diamante é um peeling físico, ou seja, utiliza um equipamento próprio para esse fim para promover uma microesfoliação da pele. Entre os principais objetivos do procedimento estão a remoção das células mortas que ficam na camada mais superficial da pele e a estimulação à produção de colágeno.

  1. Para entender mais sobre o tratamento, confira o vídeo a seguir:
  2. O método também pode ser chamado de microdermoabrasão, nome dado aos procedimentos não invasivos de esfoliação da camada superficial da pele.
  3. Saiba mais:

A esfoliação promovida pelo peeling de diamante renova a camada celular da pele, e, segundo estudo da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, publicado em 2009 no periódico científico Archives of Dermatology, induz alterações celulares na pele que ajudam a rejuvenescê-la.

  1. O que acontece é que para alterar a aparência da pele, o procedimento estimula a produção de colágeno, a principal proteína responsável por dar forma, estrutura e sustentação à pele.
  2. Segundo os pesquisadores, quanto mais agressivo o método – sem, claro, destruir o tecido da pele – maior o estímulo à produção de colágeno.

Este procedimento estético está indicado para tratar manchas superficiais – as chamadas melanoses, que estão localizadas na epiderme, camada superficial da pele. O peeling de diamante promove a esfoliação da epiderme, promovendo a eliminação das melanoses.

Também pode haver melhora nas cicatrizes de acne, mas como nesse caso as lesões são mais profundas, a melhora é mais discreta – ela acontece em função da esfoliação da pele e estímulo à renovação das células da camada superficial, mas não age profundamente, onde começam essas lesões. Da mesma forma, finas são marcas mais profundas e por isso têm um benefício discreto, ele ocorre principalmente quando, junto ao peeling de diamante, é feito uso de cosméticos que agem suavizando as linhas de expressão.

Poros muito abertos, quando submetidos à esfoliação do peeling de diamante, também diminuem. Isso acontece por que os poros tem formato de cone, portanto quanto mais pele é removida, mais estreitos eles ficarão. Segundo o dermatologista Jardis Volpe, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, o peeling de diamante pode também ser usado para melhorar o aspecto das, principalmente as avermelhadas, mais recentes.

  1. O benefício acontece devido ao estimula de células novas, que promoverão uma cicatrização mais discreta na região.
  2. O peeling de diamante pode ser feitos em pessoas com qualquer tonalidade de pele e até mesmo nas bronzeadas.
  3. Neste caso, o bronzeado será removido junto com a pele superficial.
  4. Saiba mais: O peeling de diamante pode ser usado em qualquer parte do corpo.

Além do uso facial (rugas, manchas, poros dilatados), os mais comuns são: rejuvenescimento do colo (amenizando rugas e linhas finas), rejuvenescimento das mãos (melhorando a textura, rugas finas e manchas) e para estrias vermelhas e brancas. Não é necessária qualquer anestesia prévia.

  1. Inicialmente é feita a higienização da pele, em seguida é aplicada a ponteira de diamante no local de tratamento.
  2. O profissional realiza movimentos em linha ou círculos sobre a pele.
  3. É comum que o profissional estique a pele com as mãos para permitir que a ponteira trate toda a pele.
  4. A região dos olhos não deve ser tratada com sucção e os lábios não devem receber o peeling.

O equipamento é constituído por uma ponteira com um diamante na sua extremidade, rígido e capaz de promover o lixamento da pele. Existem três diferentes tipos de ponteiras: a maior, de 75 mícrones de diâmetro; a intermediária, de 100 mícrones e a menor, de 150 mícrones.

  • As ponteiras de 100 e 150 mícrones fazem uma esfoliação mais delicada, enquanto a de 75 age de maneira mais profunda na pele, com sucção mais intensa.
  • A escolha pela ponteira depende do problema a ser tratado, estrias, por exemplo, pedem tratamento mais intenso, enquanto para a pele do rosto é recomendado começar com esfoliações mais leves, qualquer que seja o problema.

Após a sessão, a pele fica levemente avermelhada e pode descamar levemente durante alguns dias. Jardis Volpe conta que, em geral, o peeling de diamante não é doloroso. Porém, em casos em que a esfoliação é mais intensa, como no caso das estrias, pode haver desconforto, mas ainda assim leve.

É recomendada a suspensão do uso de ácidos, como por exemplo o ácido retinoico, de 24 a 48 horas antes do procedimento, pois são componentes que deixam a pele mais sensível. Além disso, a paciente deve questionar o seu dermatologista sobre outros produtos que devem ser suspensos antes das sessões. O paciente deve hidratar a pele durante uma semana com hidratantes recomendados pelo médico para o período após o peeling, em geral esses produtos ajudam também na regeneração da pele.

A dermatologista Marcela Studart recomenda o uso água termal, cuja principal função é acalmar a pele, à vontade. O uso de ácidos só deve ser retomado após sete dias, pois a pele estará sensibilizada. O rosto deve ser lavado com sabonete neutro por um período de sete dias após o procedimento.

  • A dermatologista Marcela Studart recomenda o uso de filtro solar com FPS mínimo de 50, que proteja contra radiação UVA e UVB, com reaplicação de, no mínimo, quatro em quatro horas.
  • Os protetores solares físicos são as melhores opções, pois seus compostos reagem menos quimicamente com a pele em comparação com os filtros solares químicos, o que diminui as chances de irritações.
You might be interested:  Como Escanear Um Documento Pelo Celular

Para reconhecer o protetor solar químico, fique atenta às informações da embalagem. Nem todos têm a informação de que se trata de um protetor solar físico, mas a maioria contém as palavras bloqueador e hipoalergênico na embalagem, além disso, boa parte deles também conta com cor de base para maquiagem.

Dê preferência às maquiagens hipoalergênicas, que têm menor probabilidade de gerar irritações na pele sensibilizada. Saiba mais: “O numero de sessões varia de 3 a 5, de acordo com o caso, com periodicidade quinzenal”, explica a dermatologista Marcela Studart, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Caso o paciente queira apenas a renovação da pele, três sessões bastam. Quem precisa aliviar a aparência de cicatrizes de, estrias e poros muito abertos deve fazer pelo menos cinco sessões. Cada sessão dura em média 30 minutos. Para peles sensíveis ou com o peeling de diamante e qualquer outro tratamento que faça o lixamento da pele não são boas opções, pois é grande o risco de a pele ficar ainda mais irritada.

Peles com inflamações, como uma amarelada, por exemplo, também não devem passar pelo procedimento sob o risco de aumentar a inflamação ou mesmo espalhar micro-organismos pela pele. Caso haja microlesões em outros locais, pode haver o surgimento de novas acnes. O dermatologista Jardis Volpe explica que é necessário que o dermatologista faça uma avaliação detalhada da pele antes do peeling de diamante, principalmente em peles envelhecidas, com maiores chances de lesões.

“O dermatologista deve avaliar se não há nenhuma lesão pré-cancerígena ou já cancerígena, pois nesse caso não é indicado o peeling de diamante”. Grávidas podem fazer o tratamento, mas sempre é indicado a mulheres gestantes que consultem o médico antes de passar por qualquer procedimento estético.

  • A atenção deve ser redobrada caso seja feita a associação de cosméticos ao peeling de diamante.
  • Saiba mais: Está comumente associado o uso de cosméticos ao peeling de diamante.
  • Logo após a esfoliação, o profissional aplica o produto e o paciente deixa o consultório ainda com o creme em questão no rosto.

A remoção das células mortas permite que esses produtos sejam melhor absorvidos e tenham efeito mais visível. Alguns exemplos de produtos usados são as vitaminas C e E e hidratantes. Com o mesmo objetivo, há também a associação do peeling químico ao peeling de diamante.

Nesse caso o procedimento é feito pelo dermatologista e são utilizados ácidos, como o ácido retinoico, o ácido salicílico e o para manchas e cicatrizes de acne. O peeling de damante e o peeling de cristal têm a mesma função e eficácia. Ambos podem fazer desde uma esfoliação leve da epiderme até a remoção completa, a profundidade é regulada por quem está aplicando o método na pele do paciente.

A única diferente é que o peeling de diamante faz uma renovação celular através do atrito das ponteiras diamantadas de diversos calibres com a pele, já o peeling de cristal libera microcristais, que são os responsáveis pela esfoliação. O resultados do peeling de diamante são mais visíveis se associados ao peeling químico, explica a dermatologista Marcela.

“Nesse caso, já temos resultado desde a primeira sessão”. No caso do peeling de diamante isolado, o resultado pode ser visto a partir da terceira sessão. O paciente pode esperar diminuição dos poros e das estrias, melhora do aspecto de cicatrizes, rugas finas e estrias e um melhor aspecto da pele de maneira geral.

A ação do sol pode gerar manchas claras ou escuras nas áreas que foram esfoliadas e estão mais sensíveis. Também podem ficar cicatrizes caso o peeling seja feito de forma mais profundo. “Nesse caso, podem aparecer pequenos pontos de sangramento, que acabam formando uma pequena lesão com casquinha, que pode, pela ação do sol, virar uma mancha”, explica a dermatologista Marcela Studart.

  • As chances de surgirem marquinhas são ainda maiores caso o paciente retire com os dedos as casquinhas que podem se formar.
  • Além disso, é comum que após a sessão a pele fique levemente avermelhada.
  • Ela pode ainda descamar levemente durante alguns dias.
  • É importante que a paciente vá a um dermatologista, profissional apto a avaliar sua pele e indicar ou não o peeling de diamante.

Além do médico, o tratamento pode ser feito por fisioterapeuta ou esteticista. Dermatologista Marcela Studart (CRM: 706035), membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia. Dermatologista Jardis Volpe (CRM: 116049), membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Quanto tempo dura o efeito do peeling de diamante?

Prolongue o efeito do peeling de diamante –

  • Para prolongar os efeitos do peeling de diamante, é fundamental adotar uma rotina adequada de cuidados com a pele.
  • Isso inclui a utilização de produtos específicos para o seu tipo de pele, como sabonete para higienização, cremes hidratantes, protetor solar e produtos anti-idade.
  • Além disso, é importante evitar a exposição excessiva ao sol, que pode prejudicar a saúde da pele e acelerar o processo de envelhecimento.
  • Outra recomendação importante é realizar sessões de peeling de diamante de forma regular.
  • Contudo, o número de sessões necessárias pode variar de acordo com as características da sua pele e com os resultados desejados.
  • Entretanto, geralmente, recomendamos de quatro a seis sessões, com intervalos de aproximadamente 21 a 30 dias entre cada uma, que é o tempo de renovação celular da pele.
  • Essa periodicidade contribui para a manutenção dos efeitos do tratamento, estimulando continuamente a renovação celular e a produção de colágeno.

Quantas sessões de peeling de diamante são necessárias?

Quantas sessões de peeling são necessárias? –

  • Você deve estar se perguntando quantas sessões são necessárias para obter um bom resultado, não é mesmo?
  • Bem, isso pode variar de acordo com a necessidade de cada pessoa e do tipo de pele.
  • Geralmente, são necessárias até cinco sessões para obter um bom resultado, com intervalos de 21 a 30 dias entre cada sessão, que é o tempo de renovação da pele.
  • Outra dúvida comum é quanto tempo demora uma sessão de peeling de diamante.
  • Bem, em média, cada sessão dura até 20 minutos.
  • Uma das grandes vantagens do peeling de diamante é que ele pode ser feito em diferentes tipos de pele.
  • Além disso, é um tratamento que não causa desconforto durante a sessão, além de não ser invasivo, ou seja, não é necessário fazer cortes ou utilizar anestésico.

Cuidados com a pele antes e depois do peeling de diamante

You might be interested:  Bolsonaro Aumenta O Próprio Salário

O que sai no peeling de diamante?

Qual a diferença entre o peeling químico e o peeling de diamante? – Apesar de terem funções muitos semelhantes, no peeling químico são utilizados diversos tipos de ácidos, de acordo com o resultado e com a profundidade que se deseja atingir. Já no peeling de diamante, utiliza-se um aparelho específico para realizar uma esfoliação profunda da pele e remover a células mortas.

Qual o principal objetivo do peeling de diamante?

Peeling Diamante: Quais seus benefícios? O peeling de diamante é um tratamento estético que faz esfoliação profunda na pele para remoção de células mortas da camada mais superficial,combate a rugas, por conta da produção de colágeno e elastina. Esse peeling é menos agressivo para a pele, pois realiza somente um vácuo e esfoliação da camada superficial.

  • O procedimento pode ser feito em qualquer parte do corpo.
  • Além de tratar imperfeições na face, pode promover o rejuvenescimento de colo, mãos.
  • Quais são as vantagens? Uma das maiores vantagens do peeling de diamante quando comparado com outros procedimentos estéticos de rejuvenescimento é a ausência de dor.

Como o peeling de diamante é físico não é necessário um pós-tratamento complicado, como por exemplo: se ausentar do trabalho após a sessão, isso costuma acontecer com pessoas que fazem o peeling químico. Mas não se preocupe, pois com o peeling de diamante você pode voltar a sua rotina normal.

  1. Não é indicado para pessoas com pele muito sensível, inflamadas ou com acnes graves, sendo necessário esperar a pele estar cicatrizada.
  2. Como é feito? Primeiramente, a pele deve ser higienizada e, em seguida, o equipamento é colocado no local que será tratado, com movimentos em linha ou circulares.
  3. Na ponta, há uma ponteira de diamante, rígido e que é capaz de promover um lixamento da pele.

Existem tipos diferentes de ponteiras, que devem ser escolhidos de acordo com o problema que será tratado. Após a sessão, a pele costuma ficar avermelhada e pode descamar levemente por alguns dias.

Resultados Quais são os benefícios? * Uniformizar a pele * Clarear manchas superficiais * Diminuir oleosidade da pele * Desobstruir os poros Geralmente, os resultados podem ser vistos a partir da terceira sessão, com uma melhora no aspecto da pele em geral.

: Peeling Diamante: Quais seus benefícios?

Qual o valor de uma sessão de peeling de diamante?

O preço da sessão de peeling de diamante custa em média 170 reais. Mas o valor varia de acordo com a especialização do profissional, clínica e aparelho utilizado.

Para quem é indicado o peeling de diamante?

Indicação – É recomendado fazer o peeling de diamante quando as temperaturas estão mais amenas, como no outono ou no inverno. Não é indicado para pessoas com pele muito sensível, inflamadas ou com acnes graves, sendo necessário esperar a pele estar cicatrizada.

Qual o valor de uma limpeza de pele com peeling de diamante?

Super novidade! Essa oferta vale CASHBACK! Receba de volta até 10% da compra. Valor liberado de forma imediata. Válido por 30 dias. Limitado a R$50 por compra. A campanha NÃO é válida em compras com promocodes. LEIA REGULAMENTO COMPLETO CLICANDO AQUI. A oferta inclui: Limpeza de pele com peeling de diamante (extração, alta frequência, peeling de diamante, hidratação, vitamina c e fotoprotecão) de R$99 por apenas R$69 na Derma Fisio. Validade do cupom: 30 dias após a compra, de segunda a sexta das 14h às 18h (exceto feriados e datas comemorativas). Aproximadamente 50 minutos de atendimento.

Agendamento: após a compra, agende imediatamente através do telefones: (85) 99726-3304. Sujeito a disponibilidade. A utilização desta oferta é de uso exclusivo para mulheres. Contraindicação: menores de 18 anos, acne ativa, câncer há menos de 5 anos. Poderá ser aplicada uma taxa de serviço para essa oferta. Clique em Comprar para consultar o valor. Depois, basta confirmar o pagamento.

Qual o melhor tipo de peeling para tirar manchas?

Se você está em busca de um tratamento para clarear manchas e uniformizar o tom da pele, aposte no Peeling Clareador. Ele une dois potentes dermocosméticos: o Melan-Off Concentrado Clareador e o Sérum Renovador que, juntos, atuam na suavização de manchas e marcas, inclusive o melasma e as manchas de acne.

Qual a diferença entre peeling de diamante e limpeza de pele?

Que limpeza de pele e peeling de diamante são tratamentos faciais que prometem deixar a pele maravilhosa é de conhecimento comum. Mas você DIVA sabe qual é a diferença entre esses dois tratamentos em cabine? (texto atualizado em 2022) É primordial saber as diferentes aplicações dos procedimentos.

Por exemplo, se você quer se livrar das OLHEIRAS, você procura um creme específico para este problema, e jamais tente comprar um creme anti-idade, pois além de gastar muito não vai adiantar de nada. Com os tratamentos faciais não é diferente. Pequenas cicatrizes na pele não podem ser erradicadas em uma LIMPEZA DE PELE PROFUNDA,

Já se você sofre com espinhas e cravos, o PEELING DE DIAMANTE deixará a sua pele mais macia, mas não eliminará este problema. Percebe então que existe um meio termo? Tanto a limpeza quanto o peeling, hoje em 2022, são tratamentos usados para higienizar a pele, para que somente depois venha ser feito realmente um tratamento específico, seja ele de microagulhamento para as cicatrizes de acne, como também para o clareamento de melasma da pele e também para o rejuvenescimento seja ele facial ou mesmo da papada, pescoço e colo!

Quantas vezes por mês pode fazer peeling de diamante?

O peeling de diamante pode ser feito 1 vez por mês e sempre com o auxílio de um profissional qualificado.

O que passar no rosto após o peeling?

Cuidados domiciliares após os peelings: No caso do peeling médio deve haver abundante descamação após os primeiros dois a três dias. Não puxar a pele que está soltando. Tratar com cremes hidratantes 3 vezes por dia. Lavar com sabonete líquido suave a ser indicado.

Qual hidratante usar depois do peeling?

5. Hidratantes com ingredientes regeneradores – Para auxiliar na regeneração da pele após o peeling, é recomendado o uso de hidratantes que contenham ingredientes regeneradores, como ácido hialurônico, pantenol, vitamina E e centella asiática. Esses componentes ajudam a acelerar o processo de cicatrização e a restaurar a integridade da pele.

Qual é a função do diamante?

O diamante é um material industrial fundamental, pois têm característi- cas únicas. É usado para cortar, moer e lustrar, bem como para lentes, chips de computador, e lâminas, algumas usadas na cirurgia crítica. Mas suas aplicações crescem rapidamente.

Quanto tempo depois do peeling pode tomar sol?

16. Quem faz peeling pode usar maquiagem – Verdade, mas se puder evitar é melhor. Afinal, o peeling deixa a pele sensível durante alguns dias. Então, o ideal mesmo é proteger, tratar e hidratar a pele e esperar a descamação cessar.

You might be interested:  Qual Os Benefícios Da Chia

Qual peeling que descama a pele?

Peeling de fenol – Um dos mais conhecidos peelings profundos, utiliza o fenol para promover a descamação da pele. Ele é mais invasivo, e pode causar alguns tipos de efeitos colaterais. É indicado para pacientes com pele clara, rugas profundas e em grande quantidade. É recomendado somente após avaliação com um dermatologista e para pessoas que não sofram com doenças cardíacas.

É normal o rosto coçar depois do peeling?

O peeling químico pode causar alergia de pele? Como isso acontece? Você pode até duvidar, mas o peeling químico pode, sim, causar alergias de pele, principalmente quando não há cuidados necessários após o procedimento. O motivo por trás disso é bem simples: a remoção da epiderme.

Quantas vezes devo fazer peeling?

Peeling Químico | Clínica Civitali

  • O Peeling químico estimula a renovação celular através da descamação da pele com uso
  • de substâncias como o ácido salicílico e retinóico. Esses agentes são aplicados com
  • o objetivo de remover a camada superficial da pele, para que ela se renove com uma aparência melhor.
  • Embora peelings químicos sejam utilizados principalmente na face, também podem
  • ser usados no pescoço e nas mãos.
  • O peeling químico é indicado para pacientes que desejam suavizar as rugas e manchas.
  • É também utilizado no tratamento de sinais da acne. O tratamento também promove
  • a redução da oleosidade e o aumento da produção de colágeno. Para alcançar um
  • resultado efetivo, são recomendadas ao menos 4 sessões com intervalo de 15 a 21 dias entre elas.
  1. CUIDADOS ESSENCIAIS
  2. Informações importantes
  3. sobre Peeling Químico
  • Peeling químico superficial: remove a camada mais externa da pele. É uma ótima opção para clareamento de manchas e remoção ou minimização das marcas de acne ou rugas superficiais;
  • Peeling químico médio: neste tipo, ácidos que removem a camada externa e média da pele são utilizados. Essa é uma opção usada para tratar acne e rugas mais profundas;
  • Peeling químico profundo: é recomendado para casos nos quais a pele foi danificada pela exposição ao sol e para tratamento de cicatrizes, como as de acne ou acidentes, pois este tipo remove as camadas de pele até ao nível interno.
  • Evitar a exposição ao sol;
  • Usar filtro solar diariamente e, se possível, aplicá-lo de 4 em 4 horas;
  • Evitar tocar na área tratada;
  • Utilizar hidratantes para manter a pele saudável e evitar o aparecimento de manchas e outros danos;
  • Utilizar sabonete neutro para higienizar a pele tratada;
  • Caso a pele fique irritada, recomenda-se o retorno ao consultório ou clínica em que o procedimento foi realizado.
  • PERGUNTAS FREQUENTES
  • Dúvidas Sobre o
  • Peeling Químico
  • Confira as respostas para as principais dúvidas dos pacientes
  • O peeling químico só pode ser feito no inverno? Depende. Em baixas concentrações, o peeling pode ser feito em qualquer época do ano. Já em concentrações mais altas, o ideal é que seja feito no inverno. Alguns cuidados após a aplicação são indispensáveis em qualquer época do ano, como não puxar a pele que está descamando, evitar tomar sol antes e depois do tratamento e fazer uso constante do protetor solar.
  • Quanto tempo depois do peeling químico posso fazer preenchimento com ácido hialurônico? O tempo varia conforme o grau de peeling químico que o paciente se submeteu, mas, no geral, o procedimento com ácido hialurônico só pode ser feito quando a descamação e reepitelização da pele estiverem completas.
  • Em quais partes do corpo posso fazer o peeling? O peeling químico pode ser realizado na face, pescoço, colo, mãos, pernas e costas.
  • Quais os cuidados após o peeling químico? Para alcançar o melhor resultado no seu tratamento, é importante realizar ao menos 4 sessões com intervalo de 15-21 dias entre elas. Durante todo o tratamento, é importante que você faça uso de protetor solar e mantenha a pele bem hidratada.

: Peeling Químico | Clínica Civitali

Qual é o melhor peeling para cicatrizes de acne?

Pele com cicatriz de acne – O peeling químico também pode ajudar a amenizar cicatrizes de acne, mas nesse caso os efeitos devem ser mais profundos, uma vez que as cicatrizes da acne são também mais profundas. Geralmente, a indicação é o peeling com ácido tricloroacético 30% ou com fenol (fórmula de Baker).

Quem tem melasma pode fazer peeling de diamante?

Protocolos O Peeling de Diamante é um dos procedimentos mais utilizados para tratamento de melasma. Confira o protocolo associado aos benefícios da Vitamina C. Amanda Lôbo Atualizado há 1 ano • 5 min de leitura

Qual o valor de uma sessão de peeling de diamante?

Ou R$ 96,03 no pix.

Quanto custa um peeling de diamante no rosto?

Você conhece o Peeling de Diamante? Quer ter mais brilho, menos oleosidade e mais saúde? Então você precisa conhecer mais sobre essa forma de peeling! – A procura do peeling de diamante aqui no Studio Sandra Martins vem tanto de mulheres quanto também de homens, ainda mais que a pele, o maior grande tecido e que recobre o corpo inteiro, requer cuidado especial principalmente no rosto, mantendo-a limpa e dando um aspecto de beleza todo especial ao seu rosto.

  1. O Peeling de Diamante é uma esfoliação que não dói e nem agride o tecido.
  2. Com uma ponteira de diamante, realiza uma microdermoabrasão que refaz a superfície do tecido.
  3. Isso diminui a incidência de acnes, a marca das cicatrizes e até rugas.” Esse tipo de tratamento não é nada agressivo, pois não é químico e é rapidamente executado.

O preço do peeling de diamante está a partir de R$60,00, o que depende de uma avaliação mais criteriosa para definir a quantidade de sessões necessárias. Vai depender do estado de sua pele, em relação as agressões sofridas diariamente. Esse valor vale para uma sessão que deve ser feita a cada 10 dias, conforme a necessidade. Lembrando que o peeling de diamante age na superfície do tecido e tira todas as impurezas. Por fim, fecha os poros e impede que novas sujeiras se acumulem. É um processo sensacional que mantém a suavidade da pele e facilita a ação de outros tratamentos como hidratação, etc.

Quantas vezes por mês pode fazer peeling de diamante?

O peeling de diamante pode ser feito 1 vez por mês e sempre com o auxílio de um profissional qualificado.

Qual o melhor tipo de peeling para tirar manchas?

Se você está em busca de um tratamento para clarear manchas e uniformizar o tom da pele, aposte no Peeling Clareador. Ele une dois potentes dermocosméticos: o Melan-Off Concentrado Clareador e o Sérum Renovador que, juntos, atuam na suavização de manchas e marcas, inclusive o melasma e as manchas de acne.