O Que Significa A Pessoa Sonhar - Hospital da Mulher e Maternidade Santa Fé

Qual é o significado que a pessoa sonha?

Tire todas as dúvidas durante a consulta online – Se precisar de aconselhamento de um especialista, marque uma consulta online. Você terá todas as respostas sem sair de casa. Mostrar especialistas Como funciona? Olá eu sou psicóloga do sono. Gostaria de comentar que o inconsciente insiste nesta pessoa. As pessoas nos sonhos não são exatamente as pessoas reais mas simbolizam crenças, julgamentos e sentimentos em nós mesmos. Gostaria de conhecer o método da sonhoterapia? Que bom né podermos sonhar.Sonhar possibilita a liberdade de viver situações bem diferentes das previstas e controladas.Ali se pode quase tudo.

Olá! Interessante essa questão que você trouxe. Em psicanálise os sonhos são uma forma de expressão do inconsciente. Enquanto você dorme, as barreiras psíquicas e morais se recolhem, permitindo que diferentes conteúdos do inconsciente se expressem. Dessa forma, a pessoa que você sonha pode representar algo do seu inconsciente que só você pode descobrir em análise.

Fico disponível para maiores esclarecimentos. Abraços! Inicialmente, todas as imagens que captamos do mundo externo podem ser usadas em um sonho e essa pessoa pode ser uma dessas imagens. Abrindo alas para algo mais profundo, a forma como a representatividade dessa pessoa se relaciona com outros elementos do teu sonho é que pode nos oferecer um entendimento mais exato da função dessa pessoa no sonho, ou seja, seria necessário analisarmos todo o sonho, dentro do seu contexto de vida, para chegarmos ao entendimento do porquê dessa pés do ter aparecido no sonho.

Olá! Como diz Freud; o sonho é a estrada real para o inconsciente. Isso porque, quando sonhamos estamos em um estado de consciência rebaixado, isso é, durante o sonho, a nossas vontades, nossos desejos não são controlados nem pala consciência e nem pelo ego, então ficamos a mercê do inconsciente. Porém, existe uma barreira que controla como se fosse um filtro, que não deixa passar tudo, sofrendo dessa forma um deslocamento, uma condensação dos elementos, uma distorção da realidade psíquica.

Dessa forma os sonhos se tornam incompreensíveis a primeira vista e portanto só é possível ser analisado no contexto geral da vida e do momento da pessoa que sonha. Assim, logo seus sonhos estão distorcidos, deslocados e condensados. Mediante sua análise pessoal é possível compreender esses sonhos recorrentes.

  1. Olá! Sonhar é a forma como o cérebro organiza ideias, pensamentos, sentimentos e vivências.
  2. Pode ser que tenhas tido uma frustração muito grande, pode ser que essa pessoa seja ainda objeto de desejo, pode ser somente um estímulo cerebral desencadeado por emoções vividas ao longo do dia e representadas na memória através de uma imagem conhecida, são apenas algumas hipóteses.

Pode ser muitas coisas, vai depender de todo um contexto e da tua história! Caso queiras aprofundar neste assunto, um processo terapêutico pode te ajudar! Fico à disposição! Um abraço, psicóloga Natália K. Os sonhos são mensagens vindas do inconsciente.

Não temos nenhum controle sobre eles. Eles não têm nenhuma relação direta com a nossa realidade. Para poder atravessar uma espécie de censura que existe em nós, tais mensagens sofrem distorções. É uma mensagem enigmática, cifrada, codificada. Por isso, são comuns na clínica expressões como tive um sonho sem pé nem cabeça, tive um sonho maluco, etc.

Só em análise poder-se-ia buscar a decifração desse tipo de mensagem. Mas algumas interrogações podem ser feitas a priori: por qual razão o aparecimento dessa imagem em teu sonho te incomoda? Que relação esse personagem poderia ter com você ou com pessoas próximas? Porque ela representa algo que você ainda tem conexão,

O sonho recorrente com algo ou alguém pode simbolizar algum aspecto dessa pessoa que desperta algo em você agradável ou desagradável,mas o fato desse sonho ser repetitivo pode ser uma “pegadinha” de sua mente que foca sua atenção nesse assunto o que pode levá-la a gravar essa informação como importante e você continua sonhando.

Os sonhos, em geral, trazem reminiscências do seu dia-a-dia. Ou seja, é bastante comum sonharmos com atividades que realizamos no dia anterior, com a nossa rotina, com nossos familiares. No entanto, é possível sonharmos com pessoas que temos pouco contato ou com imagens que não conhecemos e/ou não fazem sentido para nós.

Isso acontece porque nosso inconsciente fica mais “livre” quando sonhamos. Algo que desejamos muito, algo que nos causa repulsa, ou que nem temos conhecimento – e que nos afeta – pode aparecer nos nossos sonhos. Acontece, também, de não nos lembrarmos muito bem daquilo que sonhamos ou que essas lembranças possam vir distorcidas ao acordar.

Isso funciona como uma defesa psíquica contra aquilo que poderia nos causar algum tipo de sofrimento. De qualquer forma, o melhor meio de compreender os seus sonhos e seu inconsciente, de maneira geral, é fazendo terapia. Olá! Todo material que compõe o sonho vem de suas experiências, ou seja, é reproduzido e lembrado no sonho.

Mas esse conteúdo pode ter vários significados que só com o processo terapêutico você pode descobrir. Essa pessoa pode ter se ligado a algumas questões que são suas, inconscientes. Olá, essa pessoa, mesmo que você não tenha aproximação, esta representando algo no seu sonho. Talvez seja a propria ideia de algo que não te é proximo.

Associações livres sobre o tema podem te ajudar a achar uma resposta. Se já faz terapia, seu terapeuta e você podem trabalhar juntos esses significados. Abs Os sonhos vêm da profundidade do nosso ser. Sonhos recorrentes normalmente apontam para alguma parte da nossa vida que pede por atenção.

  1. A simbologia dos elementos no sonho é ampla e complexa.
  2. Em um processo de terapia, você pode levar os seus sonhos para análise.
  3. É um processo incrível de descobertas.
  4. Qualquer dúvida, estou à disposição.
  5. Olá! Conforme outros colegas já colocaram, os sonhos são manifestações simbólicas do inconsciente.
  6. Há diversas teorias sobre interpretação de sonhos, mas uma dica geral é você pensar a respeito da pessoa que sonhou: quais são as características dela? O que ela representa para você? Em que contexto do sonho ela aparece? Além disso, é bem importante contextualizar, ou seja, avaliar os acontecimentos, os pensamentos e as emoções que permearam o seu dia, a fim de compreender o simbolismo do sonho.

Em síntese, o sonho (e as pessoas que aparecem nele) podem representar algo de você mesmo, uma emoção que foi despertada, um pensamento que o intrigou, uma preocupação ou um desejo, por exemplo. No entanto, ressalto que essa é só uma visão ampla. Com um trabalho de psicoterapia, sem dúvidas você conseguiria compreender melhor os seus sonhos e adquirir mais autoconhecimento.

Olá. os sonhos nos trazem a oportunidade de nos conhecermos melhor, nossos medos, desejos, inspirações, conteúdos nossos que projetamos no outro ou algo do outro que notamos ou queremos em nós. Seria interessante analisar o significado desse sonho para você, o significado dessa pessoa para você e se a pessoa/ o conteúdo do sonho desperta algo em você.

A psicoterapia pode te dar uma direção melhor. Olá A complexidade dos sonhos nos fascina e traz a comprovação do inconsciente. Este, enigmático e de apreensão sutil, sempre nos escapa. Então qualquer generalização de interpretação pode ser bastante grosseira.

  • Se teus sonhos te instigam como mapas do teu inconsciente e te dão pistas do teu mundo interior seria interessante buscar análise psicanalítica! Te convidamos para uma consulta: Teleconsulta – R$ 130 Você pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão agendar consulta.
  • Olá! Os sonhos refletem aspectos inconscientes do psiquismo.
You might be interested:  Qual O Significado De Sonhar Nadando

Uma terapia pode te ajudar a trabalhar essas questões. Boa tarde! Sonhar é um mecanismo inconsciente que temos para organizar psiquicamente e no nosso cérebro emoções, sentimentos, situações já vividas, pensamentos, entre outros. Você menciona que sonha frequentemente com uma pessoa com quem não teve um relacionamento próximo.

Como esse sonho é recorrente, vale a pena investigar mais profundamente em terapia, o conteúdo desse sonho e os elementos globais dele; podendo inclusive descartar a possibilidade de esse sonho fazer parte de emoções do seu dia a dia e reproduzidas na sua memória em forma de sonho. Busque a terapia para poder compreender melhor os seus sonhos.

Fico à disposição para possíveis dúvidas. Abraços. Olá! Os sonhos são muito subjetivos, podem significar várias coisas. Um profissional especializado, como o psicólogo, poderá ajudar você a interpretá-los. Um abraço, Mérope. O sonho é o produto dos nossos traços de memória num momento em que o cérebro está fazendo uma certa seleção.

  • Ele “apaga” algumas memórias e armazena outras.
  • Na verdade, ele não apaga realmente, mas une algumas criando algo novo.
  • Há lutadores, por exemplo, que estudam um novo golpe e tentam ativamente sonhar que estão lutando, o que faz com que aprendam melhor a nova técnica.
  • O mesmo acontece com as pessoas estranhas dos sonhos.

Na verdade são misturas de características de várias outras pessoas que estão sendo agrupadas em nossa mente. Não é nem um conhecido, nem um estranho, mas uma criação nova. Boa noite Para a psicanálise os sonhos são uma porta para o inconsciente e geralmente é a realização de um desejo.

  1. Para acessar seu sentido é importante que ele seja narrado a um psicanalista, que vai pontuando manifestações dessa narrativa que vão permitir ao paciente interpretar as imagens que compõem seu sonho e chegar na compreensão do mesmo no contexto de vida desse paciente.
  2. Ou seja, qual é o desejo ao qual o paciente não tem acesso por si mesmo.

Abraços Te convidamos para uma consulta: Teleconsulta – R$ 100 Você pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão agendar consulta. Olá! Mesmo não tendo contato próximo com esta pessoa, as lembranças dos poucos momentos ou até mesmo a possibilidade de ter algum contato, fica registrado em nossa mente.

A psicoterapia pode te ajudar a entender as expectativas e frustrações geradas por esta situação. Um abraço Sonhos são um produto do inconsciente. Todo sonho possui um objetivo de te comunicar algo. Seria interessante realizar uma analise de seus sonhos. O seu inconsciente se manifesta enquanto dorme, nos momentos que você tem “menos” controle sobre suas emoções, pensamentos e reações.

Por que será que você sonha com essa pessoa? Ela deve simbolizar algo que à primeira vista você não reconhece, mas investigando a razão, com a ajuda de um profissional, talvez você descubra não só a origem dos seus sonhos, como de outros pensamentos, emoções, reações e sentimento.

Sonhar com essa pessoa te incomoda? Procure um psicólogo para entender melhor. Ola, bom dia, como vc está? Os sonhos podem ter diferentes significados, que não aqueles que nós pensamos de primeira. Eles podem ser simbólicos, sobre o que a pessoa “representa” por exemplo, como sentimento, lugar ou modo na vida.

Mas tudo isso ´pode ser melhor investigado em psicoterapia de orientação psicanalítica. Em análise, podemos construir e entender os significados para vc. Espero ter te ajudo. Recomendo que busque um profissional que vc sinta confiança. Caso faça sentido, sou a letícia, sou psicóloga e me coloco à disposição.

O que leva uma pessoa a sonhar?

Porque sonhamos? Entenda os mistérios do sonho! Dormir bem é fundamental e uma das consequências de uma boa noite de sono são os sonhos, muitas vezes irreais e que dificilmente nos lembramos. Os sonhos são uma parte integrante e fundamental de nossas vidas. Eles carregam mensagens ocultas sobre o nosso inconsciente, revelando desejos e estados de espíritos atuais.

  • 😴 O que é o sonho?
  • Os sonhos são representações de nossa realidade externa e como isso nos afeta internamente,
  • É consequência da ativação cortical que ocorre na fase REM (rapid eye movement, ou movimento rápido de olhos) do sono.
  • Esse estágio chega após três outras fases:
  • N1 (transição da vigília para um sono mais profundo, mas ainda leve)
  • N2 (desconexão do cérebro com os estímulos do mundo real)
  • N3 (sono profundo, com descanso da atividade cerebral).

Durante o REM, é muito difícil acordar quem está dormindo. O corpo fica mole, mas a atividade cerebral é intensa. Tão intensa que se assemelha à atividade de quando se está acordado.

  1. 😴 Porque sonhamos?
  2. Durante o sono o cérebro é quase totalmente ativado, necessitando que o fluxo de sangue seja o dobro do necessário durante este período.
  3. Apenas uma parte do cérebro para de funcionar enquanto dormimos: o centro lógico.
  4. 😴 Sonhos irreais
  5. A partir do desligamento do Centro Lógico os sonhos passam a ser irreais.

Para não exteriorizar nossos sonhos, o cérebro envia sinais para a medula espinhal paralisando assim nossos membros temporariamente. O único que movemos durante o sono, que ocorre durante a fase conhecida como REM, são os nossos olhos que se movem de acordo com a nossa atividade no sonho.

  • 😴 Os sonhos acontecem somente na na fase REM?
  • Não!
  • Você sonha todas as noites, em todas as fases, mas não é capaz de se lembrar.
  • Os sonhos do sono REM são mais ricos, fantasiosos e longos. Nos outros estágios são mais simples e mais difíceis de ser lembrados
  • 😴 Mas porque eu não lembro dos meus sonhos?
  • Na fase REM o nível de noradrenalina é muito baixo.
  • Durante o sono temos muita noradrenalina e, quando acordamos, praticamente não temos nenhuma fazendo com que aquela memória que era forte no sonho seja facilmente esquecida ao despertar.
  • Apenas lembramos dos sonhos se despertamos, no máximo, 10 minutos depois de ele acabar.
  • Noradrenalina: Neurotransmissor fundamental para ativar a atenção e a formação de memórias.
  • 😴 Porque eu me lembro somente dos pesadelos?
  • Como foi dito acima, só lembramos dos sonhos se nos despertamos 10 minutos depois de ele acabar.
  • Sonhos incômodos ou assustadores costumam nos despertar rapidamente, mesmo que em pouco tempo voltemos a dormir.
  • 😴 Sonhar pode resolver problemas diários
  • Quando sonhamos, nosso cérebro tenta resolver os problemas que nos ocupam durante o dia.

Dormir pode ser a solução para um problema que não conseguimos resolver. Além disso, um sonho pode ser um reflexo fiel ou, na maioria dos casos, simbólico do que ocupa a nossa mente, de nossos medos e de nossos desejos.

  1. Por isso são comuns alguns pesadelos que evocam medos como a falta de autoconfiança que muitas vezes se reflete em um sonho no qual a pessoa está nua em um lugar público e não pode se esconder ou se cobrir.
  2. 😴 Dormir é bom para a memória
  3. Um papel importante que nosso cérebro desempenha durante o sono é descartar e selecionar as memórias.
  4. É por isso que ao ter uma boa noite de sono após ter estudado lembraremos melhor a matéria ao invés de ter passado a noite inteira estudando.
  5. 😴 Teorias sobre os sonhos
  6. Diversos estudos e observações produziram uma série de teorias sobre a função dos sonhos:
  7. Simulação de ameaça
You might be interested:  O Que Significa Sonhar Com Procissão

Essa teoria sustenta que as pessoas praticam nos sonhos como lidar com ameaças. Neles, o indivíduo pode lutar contra leões, escapar de uma gangue ou responder com firmeza quando é humilhado, são simulacros. Consolidação da memória Essa teoria afirma que à noite o cérebro está trabalhando na compilação de lembranças.

  • Assim, o estranhamento que às vezes se manifesta nos sonhos pode ser resultado da tentativa do cérebro de vincular duas coisas que normalmente existem de forma independente, mas precisam se relacionar.
  • Redução do medo Essa teoria diz que aprendemos ou acumulamos muitos medos quando estamos acordados, e ao dormir, reduzimos as preocupações ao sonhar com nossos temores, mas possivelmente em um contexto diferente.

Isso ajudaria a eliminar ou reduzir o medo. 😴 5 técnicas para lembrar dos sonhos 1. Anote Especialistas recomendam que você sempre escreva seus sonhos, pois isso tornará mais ativa sua relação com eles. Também é uma maneira de reconhecer os aspectos comuns e os raros.2.

  • Desenhe Ficou sem palavras? Desenhar formatos geométricos, animais, objetos e qualquer outro item que apareceu no sonho também é um jeito eficiente.
  • O importante é ter referências reconhecíveis para você.3.
  • Respire O ideal é colocar os sonhos no papel logo após acordar, quando há menos chances de esquecê-los.

Para isso, evite sair da cama com rapidez e deixe para olhar aparelhos eletrônicos em outro momento.4. Nomeie Além de escrever ou desenhar, é recomendável dar títulos aos sonhos para ajudar a captar o que é essencial em cada um. Com essa organização, você terá um belo caderninho dos sonhos.

  • 5. Mentalize
  • Se ainda estiver com dificuldades de lembrar os sonhos, uma ideia é pensar repetidamente “eu vou sonhar” ao deitar, o que pode ajudar a indicar para a mente o seu desejo de recordar.
  • 🗣️ Agora queremos saber de você
  • Como foi seu último sonho?

: Porque sonhamos? Entenda os mistérios do sonho!

É normal a pessoa não sonhar?

FASE REM DO SONO E DO SONHO – Drauzio – Qual é a relação existente entre a fase REM do sono e o sonho? Flávio Alóe – Entende-se como sono REM um estado comportamental diferente do estado de vigília e do sono profundo. É uma fase em que o cérebro está ativo e o corpo ativamente paralisado para que a pessoa não saia fazendo o que está sonhando.

  • Nos seres humanos, o primeiro estágio do sono é superficial.
  • Nos 30 ou 40 minutos seguintes, paulatinamente, ele atinge sua fase mais profunda.
  • Duas horas depois de terem adormecido, as pessoas entram no sono REM, fase em que ocorre o desligamento da musculatura corporal e aparecem os movimentos oculares rápidos, marcadores fáceis de serem percebidos com monitorização laboratorial pelo perfil de atividade das ondas cerebrais.

Se acordadas nesse período, 95% das pessoas dirão que estavam sonhando. Drauzio – Existem pessoas que não sonham? Flávio Alóe – A não ser que estejam sob medicação ou tenham alguma doença orgânica, todas as pessoas sonham de quatro a seis vezes numa noite normal de sono.

Os antidepressivos podem inibir o sono REM no início do tratamento, mas aos poucos ele vai sendo recuperado. Os sonhos concentram-se na fase REM do sono, mais para o final da noite. Por isso, muitas vezes quando o despertador toca, acordamos lembrando do sonho que estávamos tendo. Drauzio – De fato, quando nosso sono é interrompido pelo alarme do despertador, é mais fácil lembrar do que estávamos sonhando.

Muitas vezes, porém, antes de chegarmos no banheiro, já esquecemos do sonho que tivemos. Flávio Alóe – Raramente conseguimos lembrar um sonho por inteiro. O primeiro motivo é porque os sonhos são muito bizarros, não têm trama nem lógica. Uma hora estamos nas Cataratas do Iguaçu, noutra no Canadá e existe uma pessoa voando por perto.

A outra razão para o esquecimento é que a circuitaria neuronal usada para produzir o sonho é diferente da utilizada para a memorização do aprendizado diário. É como se escolhêssemos um caminho diferente todos os dias para chegar ao destino. Três ou quatro semanas depois, se quiséssemos lembrar o percurso adotado numa determinada ocasião, jamais conseguiríamos.

Parece mesmo que o sonho foi feito para ser esquecido. Não se sabe bem por que, mas é como se ele existisse para fazer uma limpeza neuronal, retirando as informações em excesso ou inúteis. Só permanecem aquelas que representam um evento traumático, de caráter repetitivo e que acaba transformando-se num transtorno do sonho.

Porque sonhar é tão bom?

Verdade seja dita: todo mundo já teve aquele sonho marcante e tentou interpretar o que ele queria dizer fazendo buscas sobre um possível significado na internet. Agora, sabia que a discussão sobre sonhos vai além de uma abordagem filosófica e tem um caráter científico? Sonhar faz bem não somente para consolidar a nossa memória, mas para mostrar sinais de bem-estar, saúde e autoconhecimento.

Embora o consenso científico sobre qual impacto dos sonhos no nosso cotidiano não esteja tão bem definido, existem algumas teorias de que sonhar reflete muito o que estamos vivendo e nos ajuda a processar as emoções que experimentamos ao longo do dia. Por exemplo, a pesquisadora Rosalind Cartwright – pioneira na ciência dos sonhos e conhecida como “Rainha dos Sonhos” – descobriu que pessoas com depressão apresentam melhoras nos sintomas quando conseguem lembrar o que sonharam na noite passada.

LEIA TAMBÉM: Como pegar no sono: seis passos para dormir em dois minutos “Os sonhos refletem o que estamos passando em nosso dia a dia – tanto numa dimensão emocional quanto na dimensão cognitiva”, explica a doutora Silvia Conway, psicóloga do sono e diretora da Associação Brasileira de Medicina do Sono (ABMS),

Quanto tempo dura o sonho de uma pessoa?

Os sonhos ocorrem durante o período chamado de REM (rapid eye movements), chamado de ‘rápido movimento dos olhos’. Um sonho normal, em média, dura cerca de 10 a 40 minutos.

Quem tem depressão consegue sonhar?

‘Tenho sobrevivido à vida, tenho sonhado’ – Quem já ouviu o samba consagrado na voz de Beth Carvalho (composta por Paulo Vanzolini), sabe o quanto ele representa na vida de qualquer pessoa. Quando toca, independente de onde e de quando, ele toca a vida de alguém de alguma forma.

Reconhece a queda e não desanima. Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima”. Foi o que fez Isabel. O primeiro diagnóstico foi de agorafobia. De acordo com a psicóloga Roseane Santos, a agorafobia está dentro dos transtornos de ansiedade e está associada ao transtorno de pânico. “A pessoa tem medo de lugares muito amplos, muito abertos, onde normalmente tem muita gente.

Ela tem um sentimento negativo e depois vem um pensamento de como poderia sair daquele lugar, ela tem medo de ter uma crise de ansiedade. O medo é comum: ou você enfrenta ou foge. Nas síndromes ansiosas e na agorafobia ela fica com medo de ter um ataque de ansiedade e fica pensando como vai escapar dele”, explica a psicóloga.

  • Isabel também foi diagnosticada com depressão.
  • Em 2018, quando teve a recaída, recebeu novo diagnóstico: Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC) e depressão.
  • As pessoas acham que está relacionado a atitudes repetitivas, mas é o transtorno obsessivo compulsivo e os meus transtornos são assim,
  • Se felizes ou tristes, eles são constantes e eu não consigo ainda ter muito controle disso, de ações e de pensamentos”, explica Isabel.
You might be interested:  O Que Significa Sonhar Com Padaria

Conforme explica a psicóloga Roseane Santos, o TOC também está dentro dos transtornos de ansiedade. Não é só repetição, de fato. “A base dele é extremamente ansiosa e compulsiva. Esses quadros podemos colocar que se caracteriza por ideias, rituais ou comportamentos compulsivos.

  • O indivíduo com TOC tem uma auto-pressão, é como se ele fosse obrigado e ele precisa se submeter àquilo”, ressalta.
  • Mas hoje ela faz tratamento com psicólogo e psiquiatra, além de tratamento medicamentoso.
  • Boas doses de risos também têm ajudado bastante.
  • Quem conhece Isabel, sabe que ela, sem sorriso no rosto, não é o seu estado normal.

Se um dia não foi assim, não era Isabel. Apesar de não estar livre de crises e momentos difíceis, pensa sempre que se está viva, é por causa dela, porque sobreviveu na primeira vez. “Mas se todos os dias eu não morro, nem tento de novo, eu sobrevivo, então os meus dias têm sido isso, de lá para cá, de sobrevivência.

Cada dia que passa, que vou sobrevivendo, que vou voltando a sentir as coisas boas que vão acontecendo. A depressão tira muito a capacidade de ser grata. Eu conquistava as coisas que eu queria muito e eu não conseguia ser grata, eu não conseguia ficar extasiada”, destaca Isabel. Hoje ela se reconhece na felicidade.

“Eu penso: ‘que bom que eu estou viva para sentir isso, que bom que eu não morri, que bom que todos os dias eu tenho sobrevivido'”. Cada dia supera um dia. Alguns mais animados e mais felizes que outro, planejando. Lembra do papel e da caneta do começo? Hoje Isabel consegue colocar na mente e no papel os seus sonhos.

Outra coisa que a depressão tira muito de você é a capacidade de sonhar. Eu era uma pessoa muito disso e voltei a ser”. Agora, Isabel tem o que ela chama de “pausa sonho”. Para dez minutos e sonha. Queria ganhar na mega sena e ter uma casa com escada e piscina. “Eu passei anos sem conseguir fechar o olho e ver a casa.

Esse ano, sem sono, de noite, eu fechei o olho e comecei a ver a casa, a piscina e a escada. Mas quando eu vi, tudo fez sentido, quando eu percebi que voltei a sonhar. É muito bom poder sonhar”. Com 22 anos, sabe totalmente a necessidade de buscar informações sobre o que se sente.

  • Ter a oportunidade de se tratar, conversar com pessoas que passa por situações parecidas e ter uma rede de apoio, familiar ou não, mas pessoas que você confie e te ajudem.
  • Hoje tenho vivido com momento felizes, momentos tristes, tenho sobrevivido à vida, tenho sonhado, tenho sido muito feliz”.2 de 4 Psicóloga Roseane Santos fala sobre a depressão — Foto: Roseane Santos/Arquivo Pessoal Psicóloga Roseane Santos fala sobre a depressão — Foto: Roseane Santos/Arquivo Pessoal A psicóloga Roseane Santos explica que é importante distinguir episódios de tristeza e apatia da depressão.

O divisor de águas é o tempo de duração e intensidade, por isso a importância de buscar ajuda. “Um diagnóstico por um médico psiquiatra é fundamental”, ressalta. Nas síndromes depressivas, conforme explica a psicóloga, a pessoa apresenta um humor triste desproporcionalmente mais intenso e duradouro, sentimento de melancolia na maior parte do dia, choro fácil e frequente, a pessoa fica chorosa, apática, indiferente e com falta de sentimento, ela não consegue ter empatia.

  • Também apresenta tédio e irritabilidade.
  • A pessoa com depressão tem alterações ideativas.
  • Ela é uma pessoa negativa, “pessimista em relação a tudo, sente muita culpa, arrependimento, fica indo e voltando em mágoas antigas.
  • Nisso, com o agravamento, ela pode chegar a ideias de morte, onde já podemos ver algumas falas da ideação suicida.

A pessoa fica muito fadigada, um cansaço extremo, insônia, diminuição ou aumento do apetite, constipação, palidez, pele fria, diminuição da libido, enxaqueca, dor de cabeça”, detalha os sintomas. Sempre pode ser evitado, e sempre que busca ajuda é mais fácil, principalmente com médico psiquiatra, é assim que detalha a psicóloga Roseane.

  1. O importante é falar, buscar ajuda.
  2. A rede de proteção e apoio nesse momento é de suma importância, porque ter um amigo de confiança, por exemplo, pode ajudar a identificar algum sinal do problema.
  3. As ideações da depressão podem ser ativas ou passivas.
  4. A ideação passiva está a nível de pensamento.
  5. A pessoa quer “desaparecer, a vida não faz mais sentido.

A ideação ativa, já em um segundo momento, é onde já existe um planejamento, o grau de sofrimento já está tão grande que ele começa a planejar como poderia morrer”, detalha Roseane Santos. Depois vem a terceira etapa, que é a tentativa de suicídio, onde a pessoa já apresenta um comportamento suicida.

  1. A pessoa tentou e, de alguma forma, ela não consegue executar.
  2. Mas é extremamente perigoso.
  3. Quando a pessoa chega na tentativa, ela chega no pronto-atendimento e é importante demais a atenção básica e de emergência de um médico para o encaminhamento para um profissional de saúde mental”, detalha Roseane.

A psicóloga explica que o “eu” da pessoa com depressão está desinvestida de esperança, de vontade de viver, de sonhar, de desejar. O depressivo para de desejar, não tem mais desejo pela vida, pelas suas atividades. “Então ele vai ter um esvaziamento do eu.

É uma dor tão intensa, que ele acredita que tirando a vida, ele vai acabar com a angústia”, frisa a psicóloga.3 de 4 Depressão está relacionada com humor — Foto: Frédéric Cirou/AltoPress/PhotoAlto/AFP/Arquivo Depressão está relacionada com humor — Foto: Frédéric Cirou/AltoPress/PhotoAlto/AFP/Arquivo De acordo com a psicóloga Thaís Sousa Bezerra Menezes, a ansiedade é um sentimento de apreensão que frequentemente vem acompanhada de tensão ou desconforto derivado de antecipação de perigo.

“Ela é uma sensação que todos nós temos em nosso cotidiano, isto porque nosso cérebro aprendeu a interpretar como perigo não somente situações que ameacem a nossa integridade física, mas também situações em que entendemos que possa haver algum prejuízo para nossa vida em geral, como perder um prazo no trabalho, por exemplo”, explica.

Dessa forma, a ansiedade não necessariamente é algo patológico, porém, em alguns casos, pode ser sintoma de um Transtorno de Ansiedade. Os Transtornos de Ansiedade, conforme explica a psicóloga Thaís, se diferenciam do medo ou da ansiedade adaptativos (saudáveis) por serem excessivos ou persistirem além de períodos apropriados ao nível de desenvolvimento.

Em relação aos transtornos depressivos, a diferença é que os sintomas dos transtornos de ansiedade estão mais relacionados a sentimentos de angústia e a pensamentos que vêm da antecipação de situações que o sujeito interpreta como algo que será danoso ou que lhe fará mal.

Já nos transtornos depressivos, existe uma característica central de perda de prazer e interesse em boa parte das atividades e a presença de um humor triste que persiste na maior parte do dia e em quase todos os dias. Porém, essa diferença, bem como um diagnóstico preciso, só pode ser dado por um profissional habilitado que também considerará fatores contextuais, culturais e da história de vida do sujeito”, frisou a psicóloga.

Thaís ressalta que é preciso identificar e tratar simultaneamente possíveis transtornos que podem estar influenciando o surgimento da ideação suicida. “Muitas vezes não está nem claro para o sujeito o que o leva a se sentir daquela maneira, a pensar o que passa pela sua cabeça, o que o leva a querer parar com o sofrimento desta ou daquela maneira porque é aquilo que conhece”, detalha Thaís Sousa.